O Verdadeiro Amigo

maio 05, 2013

Quando você se sentir abaixo da linha do Equador,sob o peso de muita humilhação, frustração e medo, quando tudo parecer perdido e sem fim, quando todos virarem as costas e te deixarem só.

Quando as cortinas se fecharem e a platéia for embora, quando você se sentar diante do espelho no camarim vazio. Quando você perceber que a vida tem um brilho falso, quando não restar mais nada dos seus sonhos e das suas esperanças, ainda assim, Eu estarei aqui.

Sou aquela porta que nunca se fecha, o abraço que nunca esfria, o sorrido que nunca murcha, o carinho que nunca cessa.

Eu te compreendo, e te entendo, tenho tanto amor por você, que as vezes choro. Choro por te sentir perdido, distante, andando por caminhos tortuosos, becos escuros, e me dói te ver chorando, você é tão forte, tão amado, e muitas vezes, se julga só, abaixa a cabeça quando deveria ter orgulho de si mesmo, chora quando deveria sorrir, aceita a derrota, quando deveria lutar.
Eu te amo tanto, queria tanto te abraçar nessa hora, mas, você se fecha, se tranca em um quarto escuro, cultiva pensamentos de derrota, e até pensa no fim da vida, vida que meu Pai te deu, vida que é seu maior tesouro.

Você é o meu maior tesouro!
Eu sou a sua chance de vida, vem sinta esse arrepio na pele, vem, encoste a cabeça aqui no meu peito, desabafe, alivie-se, pare de chorar.

Sou teu escudo, teu porto seguro, tua luz, sou teu verdadeiro amigo, sou Eu,

J E S U S!

Autor Desconhecido
Photo Credit: Stockvault

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários